Outlab.

Metodologias Ágeis: Scrum, Sprint e Kanban

4 de dezembro de 2019

Nathanna Alves

Metodologias ágeis. Conheça os métodos de gestão e planejamento para alavancar resultados na empresa.
Clique para avaliar esse post!
Total: 0 | Média: 0

Gestão e Planejamento! Conheça as metodologias ágeis que auxiliam na organização dos projetos, priorizando tarefas e entregando melhores resultados.

Segundo o site Cultura Ágil, os métodos ágeis – ou metodologias ágeis – são uma alternativa à gestão tradicional de projetos, que nasceram nos braços do desenvolvimento de software, mas hoje podem ser aplicados a qualquer tipo de projeto. 

Essas metodologias buscam promover um processo de gerenciamento de projetos que incentiva a inspeção e adaptação frequente, incentivando o maior trabalho em equipe, a auto-organização, a comunicação frequente, o foco no cliente e a entrega de valor.

Resumindo: as metodologias ágeis são um conjunto de práticas eficazes que se destinam a permitir a entrega rápida e de alta qualidade do produto.

Cada metodologia ágil existente hoje carrega consigo as características do manifesto ágil, de 2001, que possui doze princípios e quatro valores, sendo eles:

  • Indivíduos e interação entre eles mais que processos e ferramentas;
  • Software em funcionamento mais que documentação abrangente;
  • Colaboração com o cliente mais que negociação de contratos;
  • Responder a mudanças mais que seguir um plano.

Scrum

No Scrum, dividimos os projetos em ciclos mensais, chamados de Sprints. O Sprint representa um Time Box dentro do qual um conjunto de atividades deve ser executado.

A cada dia de uma Sprint, a equipe faz uma reunião, chamada Daily Scrum, para debater o dia anterior, identificar barreiras e priorizar as tarefas do dia em questão – uma forma eficaz e simplificada de organizar o trabalho a ser feito.

Para planejar as tarefas usando o Scrum como método, você pode usar o sistema abaixo:

Design Sprint

O Design Sprint foi criado por uma empresa braço do Google, a Google Ventures, que teve como precursor Jake Knaap. Essa metodologia utiliza cinco etapas, que são divididas exatamente em cinco dias, para conceber uma ideia em algo tangível e testável – você pode aplicá-la a vários setores da sua empresa.

Que tal usar o Design Sprint como uma alternativa aos brainstorm? Para isso, utilize o processo:

Dia 1 – Entender: Hora de mapear e entender o problema. Pesquise, levante hipóteses e elabore ideias.

Dia 2 – Desenhar: Faça um rascunho das ideias mapeadas no dia anterior. Use esse dia para refinar tudo o que ficou decidido.

Dia 3 – Decidir: Use essa etapa para decidir um caminho a seguir. Confronte as hipóteses e escolha a melhor solução para o seu problema. Transforme tudo em um storyboard. detalhado.

Dia 4 – Prototipar: Construa um protótipo baseado no storyboard – coloque a mão na massa!

Dia 5 – Testar: É hora de testar o protótipo com pessoas e aprender com os resultados  e feedbacks obtidos.

Kanban

Kanban é um termo de origem japonesa e significa literalmente “cartão” ou “sinalização”.

Essa metodologia, criada pela Toyota, se utiliza de cartões para indicar o andamento dos fluxos de produção, onde são colocadas indicações sobre uma determinada tarefa, por exemplo, “para executar”, “em andamento” ou “finalizado”.

O Kanban permite controle da produção, com informações sobre quando, quanto e o que produzir. Ou seja, uma maneira simples e visual de organizar as tarefas e o fluxo de trabalho, tornando tudo muito mais eficiente.

Para utilizar essa metodologia, você pode se valer de ferramentas online que organizam as suas tarefas, como o Trello, Kanban Tool ou Taskworld.

Leia também:  SPA (Single Page Application): A revolução do front-end design

Que tal aplicar uma dessas metodologias para otimizar os resultados da sua empresa? Quer saber como? Entre em contato!

Voltar para o blog

Contato

Precisa de um projeto assim? Fale com a gente.

Mande sua mensagem
Voltar ao topo