fbpx
Outlab.

As 5 principais tendências de marketing digital para 2021

15 de outubro de 2020

Raomi Pani

Duas imagens da Lu da Magalu do Instagram @magazineluiza
Clique para avaliar esse post!
Total: 2 | Média: 5

O ano de 2020 acelerou as expectativas e perspectivas do mercado de marketing digital no Brasil (e no mundo). 🌎

Em menos de três meses, empresas de todos os segmentos e tamanhos precisaram encontrar seu espaço na internet, o home office se apresentou como uma realidade inevitável e eventos ao vivo com milhões de espectadores quebraram a internet (toda semana). Em um mundo que ainda aprende a lidar com o novo ritmo, é possível se antecipar às novidades? Sem pretensões, estas são 5 tendências para ficar de olho no mercado de marketing digital para o próximo ano. Se liga no fio! 🧶

  1. Mascotes: Cases de sucesso como a Lu da Magalu, a Nat Natura e o novo Baianinho das Casas Bahia revelam a importância da humanização do atendimento virtual. A resposta para personificar e criar uma identidade para empresas nas redes sociais ganha novas possibilidades em uma criação antiga: a utilização de mascotes cada vez mais “humanizados”. Mesmo quando essa humanização se apresenta como o Pinguim do Ponto Frio. Ou como resultado do concurso que escolheu uma vaca para assumir as redes sociais do Toddy. E que dividiu a internet entre os que eram #teamBovina e #teamVaca. Felizmente, a Vaca venceu.


    A Lu da Magalu começou como atendente virtual no e-commerce e hoje está entre as influenciadoras digitais mais relevantes do Brasil (Instagram/Reprodução)
  2. Informação: Se você trabalha com marketing digital, provavelmente já entende a importância de ter um banco de dados com informações sobre os seus clientes, os seus potenciais clientes, os seus não-clientes, e os seus improváveis porém não impossíveis clientes. Para isso, gerar e manter leads cada vez mais organizados e filtrados é um caminho que deve se provar ainda mais indispensável no início da próxima década. E não esqueça: informação é provavelmente o bem mais valioso que o seu cliente pode compartilhar com você. Valorize e use com responsabilidade.
  3. Okay, Google: Em 2020, os assistentes virtuais inteligentes ativados por reconhecimento de voz finalmente ocuparam seu lugar na casa dos brasileiros. Além de tocar músicas e montar playlists, fazer pesquisas e informar sobre como está o tempo lá fora, assistentes virtuais conectam seus usuários com prestadores de produtos e serviços de maneira inteligente e direcionada. Um terreno ainda aberto e pouco explorado pelo nosso mercado de marketing digital. E quem estiver atento às possibilidades pode encontrar ótimos caminhos para brilhar. Entender que softwares como a Alexa, a Siri ou o Google Assistant são muito mais que secretárias virtuais e se adaptam aos perfis dos usuários para uma experiência cada vez mais particular e única é o primeiro passo para explorar a ferramenta.

    Foto de uma Alexa/um Amazon Echo
    Nos Estados Unidos, pelo menos 30% das casas já têm assistente virtual (Outlab)
  4. O bate-papo em novas dimensões: Salas de videoconferência, reuniões online e colaboração remota vieram com força em 2020. Indispensáveis para o home office, estes espaços online acabaram mostrando sua versatilidade ao incluírem serviços que vão de festas a leilões, passando pelas já tradicionais salas de webinários, cursos e workshops. Seja via Zoom, Discord ou Google Hangouts, as possibilidades de marketing digital dentro destes espaços ainda mostram seu potencial para os próximos anos à medida que o número de usuários cresce exponencialmente todos os dias e as próprias ferramentas se atualizam. As portas estão abertas para entender como a sua empresa pode utilizar estas ferramentas de encontros virtuais para atender ou oferecer serviços para os seus clientes.
  5.  Whatsapp business: Considerada uma das redes sociais mais populares dos últimos tempos, o Whatsapp está instalado em quase todos os smartphones brasileiros. E de acordo com pesquisa publicada pela Panorama Mobile Time/Opinion Box em fevereiro deste ano, pelo menos 76% dos brasileiros já usaram o WhatsApp para interagir com empresas na internet. Isso quer dizer que se a sua empresa não faz atendimento pelo Whatsapp, provavelmente você está perdendo contatos de potenciais clientes e parceiros. E se sua empresa faz atendimento pelo Whatsapp, mas ainda não usa o Whatsapp business, nunca é tarde para correr atrás do prejuízo.
  6. (Bônus) Podcasts:  Okay, essa você provavelmente já viu na lista de tendências do ano passado, do ano retrasado ou do anterior. A questão é: podcasts são colocados em listas de tendências do marketing digital desde que foram inventados, mas parece que sempre falta uma fagulha para se tornarem o grande sucesso que prometem ser. Apesar dos dados do Ibope de 2019 revelarem que 40% dos usuários de internet no Brasil já ouvem podcasts, outros 32% sequer sabiam do que se tratava – revelando um grande vácuo a ser preenchido. E se a tendência número 3 realmente se concretizar, pode ser que os podcasts finalmente ocupem o lugar que sempre mereceram em nossos corações (e ouvidos).

E aí, curtiu a nossa lista de tendências para o marketing digital no Brasil em 2021? Vale lembrar que esse é apenas um recorte, sem pretensões, com previsões para um mercado dinâmico e cheio de possibilidades. Se quiser mesmo se manter antenado nas novidades, você pode acompanhar as nossas redes sociais ou se ligar aqui mesmo no site da Outlab.rio para ficar por dentro de tudo em primeira mão. 😉

Voltar para o blog

Contato

Precisa de um projeto assim? Fale com a gente.

Solicite seu orçamento
Voltar ao topo